Sexta, 19 de Julho de 2024 21:05
(99) 9 9145-3761
Anúncio
Geral justiça.

PM que matou jovem dentro de casa em Governador Edison Lobão é solta por determinação da justiça

A justiça colocou em liberdade, nesta sexta-feira, 17,

18/05/2024 14h59
Por: REDAÇÃO AFML Fonte: gilberto lima
Divulgação
Divulgação

A justiça colocou em liberdade, nesta sexta-feira, 17, a policial militar Sabrina Silva, acusada de ter assassinado a tiros o jovem Marcos Vinicius, 20 anos, durante abordagem no município de Governador Edison Lobão, a 661 km de São Luís.

Sabrina estava presa no comando geral da Polícia Militar do Estado (PMMA), no Calhau, e agora cumprirá prisão domiciliar, com medidas cautelares.

O crime aconteceu no dia 25 de fevereiro passado, quando Marcos Vinícius estava realizando em sua motocicleta, no meio da rua, uma manobra conhecida como “grau”. Foi feita uma denúncia à polícia de perturbação do sossego.

De acordo com informações das testemunhas, Marcos teria desobedecido uma ordem de parada dos agentes e, durante a perseguição, foi atingido por um disparo de arma de fogo. Mesmo ferido, ele conseguiu chegar em casa, onde foi morto com um tiro no pescoço.

PM afastada

Após o caso, a Polícia Militar do Maranhão divulgou uma nota oficial informando que Sabrina tinha sido afastada das funções e que um IPM (Inquérito Policial Militar) havia sido instaurado para investigar o fato, com a Polícia Civil assumindo as investigações criminais.

A nota da PMMA

“A Polícia Militar do Maranhão (PMMA) esclarece que o caso é investigado com prioridade para sua completa elucidação e a policial envolvida está afastada de suas funções. Um inquérito da Polícia Militar foi instaurado para apurar a conduta da agente e a Polícia Civil investigará a ocorrência no âmbito criminal.

A Polícia Militar lamenta o ocorrido, se solidariza com a família da vítima e destaca que não coaduna com ações que maculem a imagem da corporação. Destaca, ainda, que cumpre suas atribuições constitucionais alicerçadas em princípios de preservação da vida e respeito aos direitos humanos”.

Prisão da PM

Sabrina foi presa e estava recolhida no presídio do Comando Geral, no Calhau. Ela foi solta na tarde de hoje, beneficiada por um Alvará de Soltura concedido pela justiça, que determinou que a acusada responda em prisão domiciliar, com medidas cautelares.

com informante

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias