Sexta, 19 de Julho de 2024 22:45
(99) 9 9145-3761
Anúncio
Política geral

Brandão nega que cidades do Maranhão estejam debaixo d’água

1 – Neste momento, não temos nenhuma cidade do Maranhão coberta por águas,

12/05/2024 17h39
Por: REDAÇÃO AFML Fonte: Neto Ferreira

Após várias páginas de informações divulgarem no Instagram que, pelo menos, 30 cidades do Maranhão estariam debaixo d’água, o governador do Estado, Carlos Brandão (PSB), emitiu uma nota negando o episódio.

O gestor estadual afirmou que, apesar dos municípios terem decretado situação de emergência, não há cidades inundadas.

Brandão garantiu que as imagens usadas pelos perfis na internet são do ano passado, período em que houve enchentes no Maranhão.

Leia:

“Atenção!

1 – Neste momento, não temos nenhuma cidade do Maranhão coberta por águas, conforme a Coordenadoria de Proteção e Defesa Civil do Estado do Maranhão.
2 – As imagens que circulam em páginas de notícias são referentes ao que enfrentamos no ano de 2023 ou de outro período.
3 – Este ano, todas as famílias que estavam desabrigadas já retornaram para suas casas.
4 – Temos 30 municípios em situação de emergência, em que a própria gestão municipal consegue atuar, e os decretos municipais têm período de seis meses de duração; apenas um município decretou estado de calamidade pública, Santa Inês, em razão de uma rodovia federal ter sido cortada. A cidade recebeu todo apoio do governo federal e do nosso @governoma.
5 – Nossas equipes, Corpo de Bombeiros, Defesa Civil Estadual, Secretaria de Estado de Infraestrutura e demais órgãos envolvidos estão atentos e dando todo o suporte necessário aos municípios.
6 – Ano passado, vivenciamos um momento muito mais difícil e recebemos a presença do presidente Lula com apoio e ações.
7 – Este ano, as dificuldades estão abaixo do que já passamos, também em decorrência da força-tarefa preventiva realizada para contenção de danos. Tranquilizamos a todos e garantimos que o nosso trabalho em unidade com os municípios continuará para que possíveis situações extremas sejam contornadas de forma célere.”

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias