Quarta, 25 de Maio de 2022 21:50
(99) 98826-8130
Geral ESTELIONATO

Suspeitos de fraudar benefícios previdenciários de pessoas falecidas são presos em Teresina e Caxias

Segundo a Polícia Federal, foram identificados 68 benefícios previdenciários ligados aos criminosos

10/05/2022 19h55
56
Por: Redação Fonte: Noca

Seis pessoas foram presas pela Polícia Federal nesta terça-feira (10) suspeitas de participar de um esquema para conseguir benefícios referentes a pessoas aposentadas, como pagamentos de INSS e empréstimos consignados, usando nome de pessoas inocentes, algumas delas já falecidas. Uma pessoa segue sendo procurada.

Os policiais fizeram buscas em um endereço e prenderam duas pessoas em Teresina, no Piauí. Os demais alvos, cinco pessoas foram presas e outros nove mandados de busca foram cumpridos em Caxias, no Maranhão. Duas pessoas tiveram suas contas bancárias bloqueadas.

Os nomes dos envolvidos não foram divulgados. Os investigados poderão responder pelos crimes de Organização Criminosa, Estelionato Majorado, Falsidade Ideológica e uso de Documento Falso.

Benefícios previdenciários fraudados

A operação recebeu o nome de Tambaqui, nome de um peixe de água doce que seria o termo que os membros da organização criminosa usavam para se referir aos benefícios previdenciários que conseguiam.

Segundo a Polícia Federal, foram identificados 68 benefícios previdenciários ligados aos criminosos, e 24 deles foram feitos usando o nome de pessoas falecidas. 31 deles foram comprovados e foram suspensos pela Justiça.

Ainda segundo a PF, a fraude causou um prejuízo de R$ 772 mil ao INSS. Os investigadores estimam que as fraudes causariam um prejuízo futuro superior à R$ 10 milhões.

GP 1.

 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias