Sexta, 22 de Outubro de 2021
(99) 98826-8130
Anúncio
Geral Barbaridade.

Homem mata ex-mulher, filha de 7 anos, três familiares e comete suicídio

William de Lima Silva chegou ao imóvel das vítimas com arma de fogo e foice, segundo a PM

25/09/2021 17h37
205
Por: Redação Fonte: Diário do Nordeste.
divulgacao
divulgacao

Homem mata ex-mulher, filha de 7 anos, três familiares e comete suicídio

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Um homem assassinou a ex-mulher, a filha do casal de 7 anos, os ex-sogros e uma tia dele, na madrugada deste sábado (25) em Passa e Fica, município do Rio Grande do Norte. As informações são do G1.

William de Lima Silva, de 33 anos, apontado como o autor do crime, tirou a própria vida em seguida, conforme informações repassadas pelo 8º Batalhão da Polícia Militar ao G1.

Um homem assassinou a ex-mulher, a filha do casal de 7 anos, os ex-sogros e uma tia dele, na madrugada deste sábado (25) em Passa e Fica, município do Rio Grande do Norte. As informações são do G1.

William de Lima Silva, de 33 anos, apontado como o autor do crime, tirou a própria vida em seguida, conforme informações repassadas pelo 8º Batalhão da Polícia Militar ao G1.

MORRERAM NO ATENTADO

Maria da Luz Henrique de Lima, ex-companheira

Maria Clara de Lima e Silva, 7 anos, filha

Maria do Livramento Henrique de Lima, ex-sogra

Francisco Batista de Lima, ex-sogro

Tia do suspeito, ainda não identificada oficialmente, mas conhecida como "Verinha". A PM detalhou que a série de mortes ocorreu por volta das 4h na localidade de Lagoa do Venâncio, no sítio Fernando da Pista.

SEQUÊNCIA

O suspeito chegou ao imóvel onde estavam a ex-companheira, os pais dela e a filha do casal, munido com arma de fogo e uma foice.

Depois de matar as quatro primeiras vítimas, William foi a outra residência, executou a tia dele e baleou um sobrinho da ex-companheira, que foi socorrido com vida ao hospital.

Os policiais foram acionados para a ocorrência, mas ao chegarem ao endereço, o suspeito já estava morto próximo a uma casa em construção.

Durante as diligências, a PM encontrou um caderno com anotações feitas por William que tenta explicar os motivos do atentado. O conteúdo das mensagens, porém, não foi divulgado pela polícia.

Diário do Nordeste.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.